Podemos lavar o cabelo com condicionador ou sabonete? Sim, podemos!!!

     Diante da resposta positiva do último post, percebi que vocês ainda têm muitas dificuldades na hora de montar um cronograma e escolher produtos. Portanto, agora volto para falar um pouco das formas de lavagens de cabelos para quem faz a técnica No / Low Poo, mas que pode também inspirar quem não faz. Só quero lembrar que são sugestões e que falarei da minha experiência, ok??

     Bom, quem já me acompanha sabe que faço Low. Tenho a necessidade do shampoo ainda. Mas faço co wash também. Só que com menos frequência do que vejo as pessoas falarem que fazem….Não há mal algum nisso. Apesar de a técnica incentivar a redução do shampoo, não tenho percebido nada que o desabone em minha rotina. Então, começarei por eles.

     Não sou de ficar experimentando milhões de shampoos, não. Os vejo como uma forma higienizar o couro cabeludo e ponto. Uso poucos e apenas vou repondo.

shampoo sem sulfato 2

Shampoo sem sulfato 1

São os três shampoos que mais gosto de usar até o momento. Os dos da linha Bioderm – olhe a marca de novo por aqui – são os mais cremosos, os mais hidratantes e cheirosos que já experimentei. Acho que são quase uma unanimidade no “mundo” Low. Costuma agradar a maioria das pessoas. Já quem tem a raiz muito oleosa costuma reclamar dele justamente por seu poder hidratante power. Fiquei bem espantada quando comecei a usá-los porque estava acostumada aos sulfatos que deixavam meus cabelos uma bucha. Não, não é um exagero. Deixavam mesmo!!! Infelizmente, sei que não são em todas as cidades que conseguirão encontrar com facilidade. Mas se tiverem a oportunidade de testar verão do que estou falando. Por aqui custa R$ 13. Mas varia de cidade para cidade.

     Minha terceira opção – na verdade não tem uma ordem porque amo demais esse shampoo, mesmo não sendo hidratante como os dois primeiros, sinto até uma ressecadinha leve – é esse natureba Mel e Própolis, da Artesanato Amazonas. A limpeza é resultado da saponificação (reação química de componentes). Não sou química para falar o que acontece, mas me sinto tão leve usando esse shampoo. rsss… Quando o comprei achei que não fosse fazer espuma nenhuma, que seria difícil lavar, etc… Mas, quando passo no cabelo, forma uma espuma gigante. Limpa muito bem. O ponto negativo é que não é tão facilmente achado. Comprei em uma loja de produtos naturais no Centro do RJ, mas no Mundo Verde também vende porque já o vi por lá. O preço também é bom: quando vi, custava por volta de R$ 10.

Sabonetes     Sim, meninas e meninos, uso sabonete para lavar os cabelos e adoro. Simples assim. Esses dois que escolhi foram os que já testei, mas existem outras opções. O Dove é meu xodó do momento. Seguem a mesma regra do shampoo sem sulfato quanto aos componentes que não podem conter (tabela abaixo) e desempenham exatamente a mesma função. Sempre aparece essa dúvida: se esses sabonetes têm o mesmo poder de limpeza que o shampoo sem sulfato e se retiram os silicones. A resposta é sim. Sim, eles retiram silicones solúveis e insolúveis. São maravilhosos. Lavo a cabeça de 3 a 4 vezes por semana e em todas as vezes uso o sabonete. Faço assim: molho a cabeça normalmente, passo o sabonete na ponta dos dedos até formar uma espuminha e aplico diretamente no couro cabeludo. É uma forma de economizar shampoo sem sulfato.

Sulfatos proibidos

     Vejo duas supervantagens com o sabonete: a primeira é que há uma real economia de dinheiro, já que são baratos e, se passados antes da aplicação do shampoo, ajudam a fazer bastante espuma. A segunda supervantagem é a economia. Custam, no máximo R$ 4. Mais baratinho do que isso para completar o arsenal de beleza não tem, não é mesmo??

     Depois de minhas declarações de amor aos shampoos e sabonetes, vamos falar de co wash?? Bem, não sou a mais experiente nesse tipo de lavagem dos fios. Fiz mais no verão porque aqui no Rio o calor é desértico e não queria ficar passando shampoo todos os dias. Então, intercalava. Os produtos que já experimentei não têm nenhuma novidade para a maioria, mas falarei da minha experiência com eles. Mas para fazer o CW o condicionador precisa ser livre de derivado de petróleo e de silicones. Isso é importante ressaltar. Não é qualquer condicionador que poderá ser usado para essa finalidade.

condicionadores CW

      Até hoje, só usei o Yamasterol amarelo umas duas vezes para fazer co wash – os outros dois disponíveis da marca para essa finalidade ainda não experimentei. A primeira vez que tentei fazer CW achei meio esquisito. Também acho que o não fiz de forma correta. Meses depois, já no verão carioca, fui tentar novamente. No dia anterior, tinha lavado normalmente com shampoo, ou seja, meu couro cabeludo estava limpo. Resultado: minha cabeça coçou muito (muito com bastante intensidade. rsss) e cada vez que passava a unha saía uma gosminha branca. Fiquei encafifada. Até que descobri outras pessoas que também passaram por isso e de que o “culpado” poderia ser os parabenos, presença abundante no Yamasterol. Os parabenos não são proibidos para as técnicas, como muitos já sabem, mas é capaz de provocar alergias. Se fizerem o CW e sentirem essa reação, tentem mais uma vez por desencargo de consciência, mas se persistir, troque de produto. Achará algum que goste muito também. Ah, só para ressaltar, a alergia é nossa. Não quero dizer que o produto não seja bom. Também já soube de meninas que usaram bastante tempo o Yamasterol e só depois desenvolveram a alergia. Fiquem alertas a qualquer mudança!!

     Atualmente, uso o Elseve Óleo Extraordinário Nutrição Intensa. Sim, ele pode não ser indicado para um cabelo oleoso, mas no meu fica ótimo. Então, adotei ele como meu condicionador do coração e meu condicionador de CW. Limpa bem e cumpre o papel que dei à ele.

     As duas formas menos difundidas aqui no Brasil são as lavagens somente com água (water only), onde a pessoa só utiliza a massagem no couro cabeludo como forma de limpeza e a que utiliza chás. A primeira é mais utilizada pelas “gringas”. A última, particularmente, acho muito interessante, já que cada tipo de chá tem sua funcionalidade. Em minhas pesquisas para escrever este post, vi algumas coisas bem interessantes. Por exemplo, o chá de amoreira e de jaborandi seriam bons na prevenção e queda de cabelo. Assim como o chá de folhas de hortelã seriam ótimos para cabelos oleosos. Não custa tentar né?? O importante é abrirmos a cabeça para o novo e fazer o que o cabelo mais gostar.

     Para quem ainda não conhece esses produtos ou o co wash, gostaria de finalizar esse post esclarecendo que são opções para quem faz as técnicas No ou Low Poo porque não retiram os derivados de petróleo dos fios. Quem ficou com curiosidade para ver os benefícios, pode intercalar com o shampoo com sulfato. Se você lava a cabeça 2x na semana, por exemplo, faça 1x o CW ou passe o shampoo sem sulfato e na outra o shampoo com sulfato.

     Quais os benefícios? Quem tem o cabelo crespo e cacheado sente uma diferença grande porque o sulfato agride bastante os fios.Mas quem tem cabelos ondulados e lisos também se beneficiam com a retirada do sulfato. Os fios ficam macios e sente-se menos necessidade de hidratações constantes. A quantidade de produto utilizado para essa finalidade também diminui. Ufa, falei demais….rssss.

    Viva os produtos sem sulfatos e o co wash!!!!

Share

20 comentários em “Podemos lavar o cabelo com condicionador ou sabonete? Sim, podemos!!!

  • 06/05/2015 em 4:13 pm
    Permalink

    Adorei o seu post. Na verdade tudo que você pública é extremamente útil. Achei o shampoo da Bioderm na drogaria são paulo. Pra quem tiver dificuldades dá pra comprar pela web também! Beijos e continue assim.

    • 06/05/2015 em 4:35 pm
      Permalink

      Obrigada, Andrea!!! Seu feedback é muito importante para saber se estou no caminho certo! Fico feliz de ter te ajudado. Não esqueça de curtir a página para sempre receber as novidades!!! bjs

  • Pingback: Máscara antirresíduos Banho de Gelo Haskell |

  • 21/10/2015 em 8:40 pm
    Permalink

    Oi Paula, o fato desse condicionador da Elseve ter tantos óleos essenciais não interfere em nada, negativamente, no co wash? E ele é totalmente isento de silicone?

    Bjs

    Fernanda

    • 21/10/2015 em 10:48 pm
      Permalink

      Olá Fernanda!! Esse condicionador é liberado para co wash, pois não possui silicones. Ele é mais pesado por conta dos óleos e talvez não seja recomendado para quem sofre com a oleosidade do couro cabeludo, mas para quem não tem esse problema e possui cabelos ressecados é muito bom. bjs!!!

      • 22/10/2015 em 12:32 am
        Permalink

        Ok, muito obrigada pelos esclarecimentos!! Eu até já usei ele pra cowash mas estava na dúvida se teria algum problema mesmo de usar hj, pois vou fazer um relaxamento amanhã e queria dá uma higienizada sem usar shampoo mas tbm sem usar um condicionador que de alguma forma pudesse interferir na eficiência do relaxamento, talvez pela grande quantidade de óleos.

        Vlw

        Bjs

        • 22/10/2015 em 3:48 pm
          Permalink

          Se utilizou e gostou então tá liberado! rsss. Boa sorte! bjs.

  • 21/12/2015 em 11:01 pm
    Permalink

    Olá!! Primeiramente gostaria de parabeniza-la pelo lindo e informativo blog

    Arrasou!

    Agora uma dúvida, será que posso usar o shampoo feito com o sabonete + o morte súbita (hidratante)?

    • 21/12/2015 em 11:50 pm
      Permalink

      Olá Patrícia!!! Pode usar shampoo feito com sabonete, sim. Ao invés do MS porque não tenta usar óleo vegetal?? Uma leitora me indicou uma receita que irei testar e contar aqui no blog em que dilui-se o sabonete liberado em banho maria, coloca-se um pouco de água e 2 colheres de óleo vegetal da sua preferência. Talvez o MS pese um pouco nos fios para ser utilizado junto com o shampoo, mas se quiser muito faça o teste em menor quantidade para ver se dará certo e venha me contar!!! bjs.

  • 06/03/2016 em 5:04 pm
    Permalink

    Ola. Boa tarde Paula. Gostaria de saber se o shampoo da OX cor sublime é liberado para low/no poo? Pois diz na embalagem : Tecnologia sem sulfato e sem sal.

    • 12/03/2016 em 4:33 pm
      Permalink

      Olá Edneia!!! Não conheço a composição do shampoo da Ox que mencionou. Dê uma olhada na tabela de sulfatos proibidos para o Low Poo (No Poo não usa shampoo) para conferir, mas acho bem possível que seja sem sulfato (o sal não é proibido para a técnica). Shampoos para cabelos coloridos muitas vezes são liberados porque se tivessem sulfato desbotariam a cor mais rapidamente. Bjs

      • 13/04/2016 em 8:39 pm
        Permalink

        Complementando: os shampoos da Ox que dizem que não têm sulfatos contêm C14-16 Olefin Sulfonate, que também é excluído das técnicas de low e no poo, pois é um surfactante tão prejudicial como os sulfatos.

  • 15/03/2016 em 4:28 pm
    Permalink

    Paula, já vi algumas meninas ensinando a fazer shampoo com sabonete (sabonete + água + óleo vegetal). O que você acha? Já fez?

    • 17/03/2016 em 2:15 am
      Permalink

      Como viu no post, uso o sabonete para lavar os fios e gosto muito. Até fiquei de fazer o shampoo líquido, mas até hoje não fiz. Estou esperando o meu óleo de coco chegar e acho que vou aproveitar para testar. Acho uma ótima solução para quem estranha lavar o cabelo com shampoo em barra ou mesmo o sabonete. Não custa tentar, né? Se não der certo no cabelo ainda podemos usar para tomar banho. O corpitcho agradecerá.

  • 10/05/2016 em 5:06 am
    Permalink

    Gostei muito das informações, estou pesquisando sobre a técnica pra começar, inclusive a parte dos sabonetes achei show e também de unir as duas técnicas, no e low com cronógrafo, Obrigada pela dedicação, parabéns!

    • 13/05/2016 em 2:29 am
      Permalink

      Obrigada pelo carinho, Ana!!! bjs

  • 25/06/2016 em 12:12 am
    Permalink

    Muito bem escrito o post, muito informativo! Não surpreendeu ver sua graduação no perfil: jornalista. Shampoo sem sulfato pra mim tbm é outra vida! Meu cabelo é cacheado/ondulado e faz muita diferença. Nossa, vc mencionou que é do RJ. Eu sou gaúcha e amo minha terra, mas conheci o Rio e me apaixonei: lugar mais lindo do planeta! Vou voltar muitas vezes … (como devem pensar todos que o conhecem…rsrsrs)
    Abraço e parabéns pelo blog 😃

    • 25/06/2016 em 2:26 pm
      Permalink

      Obrigada pelo carinho, Andréia! Você não tem ideia de como é bom receber o feedback dos leitores do blog.
      Nunca fui a sua terra, mas assim que tiver oportunidade tenho muita vontade de conhecer. Só não me verás por aí no inverno. 18° graus e já quase morro. Kkkkkk. Mas no verão fico louca para ir para algum lugar mais fresco. Ah, e volte mais vezes ao RJ mesmo. Temos muitos problemas aqui, mas é uma cidade maravilhosa para viver e visitar. Bjocas!

  • 10/09/2016 em 6:19 am
    Permalink

    Menina amei a dica do sabonete! Estava procurando uma solução barata e que desse certo e achei seu post! Salvou minha vida e meus cabelos, obrigada e sucesso querida!

    • 10/09/2016 em 3:50 pm
      Permalink

      Oi Simone!!! Que bom que gostou!!! O sabonete liberado realmente é uma ótima opção quando não queremos investir em produtos caros. Se joga. Só não se esqueça de conferir a composição. Bjs.

Os comentários estão desativados.

error: Content is protected !!